quarta-feira, outubro 21, 2009

Computador é PHoda!*

A charge bizarra acima é do autor deste blog. Tá esquisita, igual à mente deste que vos escreve.

Seu Noquinha era um senhor de hábitos bem simples. Viúvo e aposentado, não gostava de televisão, ouvia de vez em quando um rádio e conservava no pulso o velho relógio que funcionava muito bem há mais de 20 anos – segundo suas próprias palavras. Nem carro o seu Noquinha possuía: “faz bem caminhar, esses jovens de hoje é que são uns folgados!”.

Deve ter sido por isso que o velho Noquinha viveu até os 90 anos e carregou pro túmulo uma fortuna que todos acreditávamos que ele escondia – o que explica a luta dos parentes pelo detonado colchão como herança. Se havia mesmo uma fortuna escondida, esse é um dos maiores mistérios de minha infância!

Mas como vocês notaram, o seu Noquinha não era muito chegado em tecnologias mais modernas. Eu me lembro que ele dizia “essas coisas modernas servem pra gastar dinheiro duas vezes: pra comprar e pra consertar!” E olha que isso foi num tempo em que os produtos eram feitos para durar. Minha mãe usou a mesma geladeira durante 25 anos e até hoje funciona, é um fenômeno!

Se o velho Noquinha conhecesse o computador, aí ele teria todos os motivos possíveis para desancar esta tecnologia. O computador é o tipo de máquina que guarda estranhos segredos dos quais ninguém consegue desvendar, ainda mais se o sistema operacional for o Ruindows, que nem o Bill Gates consegue entender direito como funciona.

Ficar uma semana inteira sem computador é terrível. Quase tudo depende deste monte de placas, chips e cabos: trabalhos, dados, textos, comunicação, jogos, vídeos, música, notícias. A falta deste monstrengo que gosta de criar problemas estranhos para desafiar os experts em informática causa uma indisfarçável angústia, principalmente quando o técnico lá da assistência diz:

- É, não tem jeito, vou ter que formatar o HD.
- Não dá para salvar nada? Por favor, diga que dá!
- Infelizmente, não. Você teve sorte de não perder o HD, é só formatar.
- Ouça, não dá pra salvar pelo menos a minha tese de mestrado? Por favor?

Mas não tem jeito. E lá se vai a sua tese de mestrado sobre o “processo civilizatório de Liliput sob uma abordagem Malthusiana”, que você levou 2 anos para escrever. Mas isso não é o pior: você não fez backup de nada e perdeu até as fotos da Dorotéia, aquela gata que você conversa todos os dias pelo MSN. E pode ficar ainda muito pior se a Dorotéia “cair na net” graças a você! Ela ficará muito grata pela fama.

Computador é PHoda mesmo. Por mais que você trate bem desta máquina, desfragmente e faça limpeza do disco, atualize antivírus e todos os cuidados básicos, ele sempre surge com alguma coisinha para te deixar em pânico. Portanto, meu caro usuário (ops), assuma que é praticamente um refém diante desta máquina e faça backup de tudo aquilo que você julga importante e essencial aí na pasta “Meus Documentos”. Eu fiz e pude deixar meu computador tranquilamente na assistência técnica, até porque não tem fotos de nenhuma Dorotéia e tampouco filmes das Brasileirinhas; mas confesso que tenho fotos da Cacinilda, uma amiga que é uma beleza, tá com tudo em cima ( os peito em cima da barriga, a barriga em cima das coxa e assim por diante). Além do mais OC FAIL, PLEASE ENTER SETUP TO CHANGE OC FAIL SETTINGS. FOI DETECTADO UM TEXTO CHATO SENDO ESCRITO E O WINDOWS FOI DESLIGADO PARA EVITAR A CONTINUAÇÃO DESTAS BOBAGENS. STOP:0x0000007b (0xf894c528, 0xc0000034, 0x00000000, 0x00000000)

*PHoda é marca registrada de Renan Barreto Online, RBD, digo, RBO e não pedi autorização para utilizá-la, mas acredito que não receberei uma intimação da Barretech Attorney & family por isso.

quarta-feira, outubro 14, 2009

Dia do Professor: e daí?

(a charge acima foi feita pelo autor do blog, na escola. Tosca, sem colorização, feita em 3 minutos entre um intervalo de aula e outro. Se tiver coragem e quiser ver melhor, clique nela)

15 de Outubro é oficialmente considerado como “Dia do Professor”, o que eu discordo totalmente, pois o “Dia do Professor” deveria ser mesmo em 12 de Outubro, porque só Deus ou Nossa Senhora Aparecida para derramar bênçãos e graças sobre a “catiguria”.

Que me perdoem os idealistas, otimistas e ocasionalmente “Pollyannas”, mas tornar-se professor hoje, no Brasil, é realmente para aqueles que possuem muita fé. Quem acompanha este humilde e tosco blog já se deparou com alguns textos relacionados à escola, professores e educação em geral. E para quem acha que estes textos são escritos por alguém leigo ou por um “especialista em educação que, restrito ao ambiente acadêmico, desconhece a realidade da escola, principalmente da rede pública”, está enganado: quem assina essas mal digitadas é um sujeito que há tempos também foi idealista, otimista e ocasionalmente Pollyanna.

Não vou cansar os eventuais leitores deste Grooeland carente de atualizações ( obrigado, computador, por ter pifado de vez só depois do feriadão!) com os velhos problemas que atingem o magistério e dos quais todos já sabem: baixos salários e excessiva carga de trabalho para professores, violência, péssima infra-estrutura, etc e etc. Aliás, tem vários artigos aqui neste blog sobre educação, é só procurar.

Há quem pense que tudo isso é lamúria, é chororô, é coisa de “professor ligado à sindicato de esquerda”, “desculpinha pra trabalhar menos” e outras bobagens ditas por aí, mas a coisa é tão séria que já faltam professores de algumas disciplinas nas escolas - e não pense que é só no Brasil: segundo a ONU, o mundo precisaria de cerca de 18 milhões de professores para que houvesse, de fato, o “educação para todos”.

O número impressiona e o que um professor passa durante sua jornada de trabalho também. No começo da profissão todos são idealistas e tem grandes e ambiciosos sonhos. Depois de alguns anos de trabalho, muitos desanimam e é muito comum encontrarmos profissionais doentes nas escolas. Há professores que mesmo diante de tantas dificuldades e entraves conseguem manter uma motivação e executam projetos muito bons nas escolas, mas graças a um esforço pessoal muito grande e contando apenas com a parceria dos alunos. Não esperem muita coisa de certos setores da sociedade e principalmente dos governos.

Do governo, aliás, esperem muita propaganda e muito markretino, digo, marketing. E muita, mas muita demagogia mesmo em torno dos novos salvadores da pátria da educação: o computador e a escola em período integral. E sem contar as lindas frases para ornamentar peças publicitárias, como “professor, você é importante”, “professor, você é fundamental para o crescimento do país” e tantas outras emocionantes e sinceras demonstrações de respeito e carinho.

No dia 15 de Outubro veremos uma enxurrada de homenagens à figura do professor. Não vou finalizar o texto com o chavão de que o professor (em todas as profissões há bons e maus profissionais, evidente) quer mesmo é respeito e valorização. Prefiro encerrar com um pedido de desculpas pelo desabafo que foi este péssimo texto e agradecendo aos que tiveram a paciência de chegar até aqui.

E dizer que sim, queremos grana, queremos comprar livros, ir a cinemas, teatros, bom vestuário, cuidar da saúde, frequentar uma academia ou dispor de tempo para atividades físicas, ter uma casa própria, tempo para a família. Sejamos justos: o sacerdócio é para os sacerdotes!

terça-feira, outubro 06, 2009

Re: Os normais 2 e a preguiça do baiano


(politicamente corretos de plantão: a charge é minha e não boicotem o blog por isso)


De: XXXXX
Para: Jaime Guimarães
Assunto: Os Normais 2 – preconceito!!!

AOS MEUS AMIGOS

ESTOU REPASSANDO MENSAGEM SOBRE ESSA PROPAGANDA NEGATIVA QUE VEM PREJUDICANDO OS BAIANOS!!! FUI ASSISTIR AO FILME "OS NORMAIS-UMA NOITE INESQUECÍVEL", E TIVE O DESPRAZER DE ME DEPARAR COM UM FILME DE BAIXÍSSIMO NÍVEL, ALÉM DE UMA PIADA DE MUITO MAL GOSTO SOBRE BAIANO: "VC SABE O RESULTADO DA MISTURA DE UM BICHO PREGUIÇA COM UM SER HUMANO? UM BAIANO DE SUÉTER!" EM SEGUIDA APARECE UM BICHO PREGUIÇA VESTIDO!

POR ESTES MOTIVOS É QUE PEÇO A TODOS OS BAIANOS QUE NÃO GASTEM SEU TEMPO E DINHEIRO COM UM LIXO DE FILME ACULTURADO E PRECONCEITUOSO. BOICOTEM!! POR FAVOR, REPASSEM!!!

De: Jaime Guimarães
Para: XXXXX
Assunto: Re: Os Normais 2 – preconceito!!!

Meu caro XXXX: você sabe o quanto aprecio receber seus e-mails sempre muito bem humorados, principalmente aqueles que trazem coletâneas de piadas sobre portugueses, bichas e corintianos. Continue enviando-os, são bastante divertidos!

Ora, todos nós sabemos que o baiano não é preguiçoso. O que dizer dos espanhóis, então, com a hora da siesta? Na verdade essa história toda de preguiça não é só com os baianos: é também com o brasileiro em geral, diversas vezes rotulado como “preguiçoso e indolente” ( isso é histórico, mas não vou discutir isso por aqui, não é?); no entanto estamos no ranking entre os povos que mais trabalham no mundo, mesmo com todos esses feriados e carnavais fora de época por aqui.

Portanto, relaxe, meu rei! Vai ficar ofendido por conta de uma piadinha boba num filme que eu nem assisti (nem pretendo porque não sou chegado a cinema) e que se propõe a ser um besteirol? Oxe, menos, meu velho, menos! Além do mais, você sabe que esse mito da “Bahia preguiçosa, que faz festas todos os dias” vem sendo perpetuado por conta de gente aqui “da terra”. Lembre-se do Dorival Caymmi, do Caetano, da própria indústria cultural e turística aqui mesmo da Bahia, que vende essa imagem do baiano festeiro "com outro ritmo de trabalho" para o país todo e para o resto do mundo.

Ao invés de repassar essas revoltinhas bobas do tipo boicote a um filme de besteirol, você poderia soltar por e-mail a excelente tese da antropóloga Elisete Zanlorenzi que desmistifica toda essa história do baiano preguiçoso. Faça isso, mesmo sabendo que a maior parte dos que estão na sua lista de contatos gosta mesmo de receber mensagenzinhas de powerpoint com textinhos de auto-ajuda (com música melosa, claro!) e garotas posando nuas com closes ginecológicos.

E a Bahia e os baianos têm coisas mais sérias com o que se preocupar, não acha? A capital tem um prefeito que admitiu ter desviado dinheiro da merenda e da saúde pro carnaval; a capital vai receber uma Copa do Mundo e não tem nem metrô e a infra-estrutura da cidade é péssima; os casos de dengue no estado já passam de 100 mil; a Bahia possui quase 2 milhões de analfabetos e etc, etc e etc!

Repasse isso, meu rei!

Atenciosamente,


Jaime Guimarães

http://grooeland.blogspot.com/
www.twitter.com/jaimeguimaraess
http://www.fotolog.com/jaimeguimaraes

quinta-feira, outubro 01, 2009

Homenagem a uma nobre e relevante "catiguria"!

(sim, esta charge tosca e de péssimo gosto é de minha autoria. Para vê-la melhor, dê um clique)

Confesso aos meus 4 ou 5 leitores de que ultimamente ando sem muita inspiração para escrever as bobagens que vocês já se acostumaram a ler neste humilde espaço. E olha que há muita coisa acontecendo por aí: a crise de Honduras, o nENEM parindo antes do tempo e “caindo na net”, os últimos dias do IPI reduzido para todo mundo comprar carro e contribuir para o progresso, tsunami e terremoto no Pacífico Sul e Indonésia respectivamente, os jogos olímpicos no Rio em 2016, o SantosFC que não ganha de mais ninguém, etc e etc.

Eu até ensaiei umas linhas aqui e ali sobre estes e outros temas, mas não saiu nada que fosse muito interessante. Aliás, muito pouco do que sai aqui neste blog é interessante, e até me surpreende que eu tenha tantos seguidores e comentaristas e além disso...

Desculpem, eu estou enrolando pra ter assunto e achei um, embora tenha aparecido meio sem querer. Regra número 1 se você não tem ideia do que escrever e não sabe nem como e por onde começar: faça uma homenagem a uma pessoa, um personagem, uma data, um motivo qualquer.

É uma boa ideia! E justamente esta data de hoje, 01/10, não poderia passar em branco, pois homenagearei uma nobre categoria que é fundamental para a nossa sociedade, que é comprometida com o povo e está sempre disponível para atender as demandas da população: Hoje é o dia do vereador!

O vereador tem diversas funções em âmbito legislativo. Dentre outras funções como dar nomes a ruas e praças, ele pode ajudar a fiscalizar as contas públicas ( a parte preferida de 10 entre 10 nobres vereadores), licitar obras e outras benfeitorias para o município ( principalmente se for sócio de empreiteira, casa de material de construção, etc); Para este árduo trabalho, ele recebe um salário muito interessante – em Salvador, até o ano passado, um vereador ganhava R$ 7100 mensais. Não é uma boa?

Mas os nossos vereadores merecem. Além do salário "coisa à toa", eles possuem verbas indenizatórias, verbas de gabinete, auxílio combustível e mais um algumas pequenas vantagens. Aqui na capital dos Estados Unidos de Todos os Magalhães um único vereador custava (em 2008) cerca de R$ 39 mil mensais para os cofres públicos. Enquanto isso, um professor da rede municipal custa em torno de R$ 700 mensais para os cofres públicos. Eu acho uma proporção justa. Vereadores tem mais relevância do que esses professores que reclamam de tudo.

Como forma de antecipar as comemorações do dia do Vereador, o Congresso Nacional - sempre ele! - criou a emenda que possibilita a criação de mais de 7 mil cargos de vereador no país! E ainda tem gente que reclama! Vejam como o nosso Congresso, representado pelas figuras probas de Sarney e Temer ( quem Temer, tem medo!) se preocupa conosco!

Sem dúvida, uma bonita homenagem aos nossos vereadores e, com este humilde textinho em um blog que quase ninguém visita, deixo também minha singela saudação a tão importante e relevante categoria deste país! Parabéns, senhores vereadores! ( e eleitores também)

***
Fotolog: http://www.fotolog.com/jaimeguimaraes
Revista Sunshine edição primavera (eu contribuí com texto e charge) - download aqui.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...